top of page

Como Funciona a Mente Humana?

Quantas vezes você já se perguntou como a estrutura da mente humana realmente funciona?

Neste post, compartilho alguns conhecimentos sobre a estrutura dessa máquina fascinante que é a mente humana.


mulher de cabeça baixa pensando sobre "como funciona a mente humana"

Segundo o biólogo, psicólogo e epistemólogo suíço, considerado um dos mais importantes pensadores do século XX, Jean Piaget, o desenvolvimento humano acontece da seguinte forma:



O Desenvolvimento da Mente Humana

0 aos 7 anos

É a fase em que a mãe compartilha os valores e princípios morais daquela família. São as estruturas daquilo que é “certo e errado” dentro daquele lar.

8 aos 14 anos

15aos 21 anos


Quando pai ou mãe se torna de alguma forma ausente na vida daquele jovem, seja por óbito, trabalho em excesso, divórcios e separações, ou outras situações, é quando o jovem buscará uma “referência externa”. Na maioria das vezes são os amigos(as), com uma diferença de idade superior à do jovem e, que de alguma maneira, se relaciona e interage com ele.


Seja em uma relação amorosa ou de amizade, a questão é: essa pessoa, na maioria das vezes, tem valores e princípios diferentes dos da família daquele jovem e, a partir daí, surgem os desafios e conflitos emocionais.


Essa pessoa amiga ou que se relaciona com aquele jovem pode ser uma pessoa descontraída, que o ajuda com os deveres da escola, leva de um lado para o outro, lhe proporciona entretenimentos diversos e, às vezes, coisas materiais. Porém, essa pessoa pode ser alguém que, em picos de estresse, vulnerabilidade ou pressão, tem suas manifestações emocionais evidenciadas, podendo desencadear várias manifestações e de formas diferentes, como:


  • Uso de drogas

  • Consumo desenfreado de bebidas

  • Ser uma pessoa agressiva e violenta

  • Ser uma pessoa manipuladora

  • Ser uma pessoa que adquire bens, coisas e momentos através do sexo

  • Ser uma pessoa excessivamente sarrista (o bobão da turma)

  • Manifestações de sensualização e sedução



Tudo isso são “escudos emocionais” que se manifestarão de formas diferentes em cada situação.

No começo, o jovem estará confuso à respeito da dualidade da personalidade daquela pessoa, até convencer-se, erroneamente, de que aquilo não o fará mal algum.


Por este motivo, nos deparamos muito com queixas dos pais dizendo:


“Não sei o que o (a) levou a tal comportamento, sendo que ninguém em nossa família nunca fez isso…”

Por algum instante, pergunte-se: “o que leva duas pessoas com idades tão distintas a se relacionarem?”

Afinal de contas, o jovem que aderir a esse tipo de relação, na maioria das vezes, sofrerá exclusão de grupos sociais com jovens da sua mesma faixa etária.

Da mesma forma, uma pessoa mais velha se relacionando com uma pessoa muito mais jovem, também sofrerá exclusão de grupos sociais ou terá laços frágeis.

E como o bem e o mal coexistem e habitam quase sempre os mesmos lugares, com o sucesso e o fracasso também é assim.


Por isso, é extremamente importante compreendermos as estruturas que levaram determinadas pessoas a terem bons ou maus resultados em diversas áreas da vida.


Comments


guga_gonçalves, consultor_de_marketing_digital_em_campinas, consultor_de_marketing_digital

Olá, que bom ver você por aqui!

Todos os dias, ajudo pessoas, empreendedores e profissionais liberais a construirem sua marca pessoal, partindo do absoluto zero, além de se familiarizarem com as principais técnicas e recursos da comunicação online e do marketing digital.

Receba todos os conteúdos em primeira mão.

Obrigado por assinar!

  • Facebook
  • Instagram
  • LinkedIn
  • Whatsapp
bottom of page